E-Consulters Web - Hospedagem Premium

Cerca de 41% da população da Coréia do Norte passa fome

Governo anuncia redução de rações diárias de 550 para 300 gramas de comida por dia
0

Apesar da segunda cúpula entre os presidentes dos Estados Unidos e da Coreia do Norte, realizada em fevereiro, no Vietnã, a população da Coreia do Norte continua a sofrer de várias formas. O analista da perseguição da Portas Abertas, Thomas Muller, explica que de acordo com um relatório de 22 de fevereiro da agência de notícias Reuters, a Coreia do Norte admitiu estar enfrentando uma crise alimentícia.

Diante da falta de comida, a Coreia do Norte anunciou que cortaria as rações distribuídas ao povo de 550 gramas para 300 gramas de comida por dia. De acordo com o mesmo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) estima o que o número de pessoas desnutridas seja de 10,3 milhões, ou seja, 41% da população.

Thomaz Muller explica: “Apesar de não ser correto colocar toda a culpa nas sanções internacionais (como o governo da Coreia do Norte faz), isso mostra o quão terrível a situação para a população norte-coreana se tornou. Ao mesmo tempo, não se pode esquecer o que afirmou em janeiro deste ano o enviado especial da ONU, Tomás Ojéa Quintana, que ”o país inteiro é uma prisão”.

Com informações: Portas Abertas Brasil

TagsComida

Deixe seu comentário